domingo, março 30

sexta-feira, março 21

Valentín





















"Minha visão é cem por cento,não é disso que me queixo. O problema é o
ângulo
"
.

A culpa

Se o dia ao abrir os olhos parecia cada vez mais cinza e embaçado, se o café da manhã cada vez mais perdia o gosto e se cada vez que tomava o banho logo cedo a água mais parecia perfurar a pele de tão gelada que parecia estar a culpa era do pequeno monstro que estava crescendo. Se ao colocar a roupa e passar o batom que a cada diz parecia menos vermelho a culpa era do abismo que se abria cada vez mais. Se ao chamar o taxi e finalmente chegar para mais um longo dia da sua já não tão boa rotina a culpa era do grande peso que estava nos seus ombros. Se logo depois de, finalmente, desligar a máquina e ir para casa já não era grandes coisas, se a cada vez que abria a porta e não via mais um motivo para tudo aquilo a culpa era daquilo que fazia lágrimas correrem soltas a cada vez que sentava-se na mesa do jantar e não encontrava mais o alguémd o seu lado para esquecer toda aquela rotina. Se nos domingos de sol já não tinha motivos para fazer continuar o dia a culpa era daquilo que deixou os seus dias cinzentos e que agora se apagavam; a culpa era do do prá sempre, que sempre acaba. O dia se apagou, veio a noite e ninguém para poder se lamentar; o dia se foi e com eles o final feliz, a noite veio e fez o tudo ser cada vez mais o nada e ela sempre chega...

terça-feira, março 11



"Não se esqueça que eu sou uma menina parada em frente a um menino pedindo para ele amá-la"

I...

To say the true
I love you

To say the true
I need you

To say the true
I... Whatever.

-AHHH!


I got

Because I got the messenger
I know the true
Between me and you
And I can't
Be the second best
On the list of your heart;
And I can't stand
You keep saying:
'You are the only one
She doesn't lives in here
[anymore.'
Shut Up Baby
What you don't say,
Your eyes shows,
And your lyrics
[Screams.
E eu que imagina o desastre vindo do céus: Sem festa, sem bar, sem dinheiro e 72 horas de puro silêncio. Não imaginava que fosse assim, nunca imaginei que fosse tão bom te sentir, te olhar, conversar... Não sobre tudo, mas já foi um começo. Eu que nunca me imaginei confortável, a coisa que eu mais queria era um abraço; ganhei um beijo! Nunca imaginei que podia voltar, nem que fosse por segundos...

-Acorda, filha.
If you're waiting for a sign, this is it.

Do it.

Não espere que essa chance se vá. Não exite em fazer o você feliz. Não adie um sorriso. Não adie uma ação. Não deixe prá lá. Não vá prá um lado e o rumo para outro. Não se perca no escuro. Não espere demais. Não procure entender a razão. Não pensa, se está esperando por um sinal... O momento é esse. Faça!

T.M.

Moon shining more then
shine outside

Bigger than all, shouts:

“Can I come in?

domingo, março 9


Sentir o vazio
Não querer o final
Se ver já no escuro.


Esse sim é fundo do poço, meu caro amigo.

terça-feira, março 4

é o DNA

"Os homens ficam mais velhos, mas isso não os melhora."

-O.W.

A Grande Verdade

"Se os fatos não comprovam sua teoria, despreze-os."

Depois de horas de cálculos, de milhares de segundos e muitas gotas de suor frio depois eu escrevo finalmente a resposta tão esperadas na questão para em 5 minutos todas as minhas teorias incríveis e mirabolantes serem derrubadas com simples palavras e eu me depara com o abismo da minha ignorância matemática é para essa frase que eu me volto.

Lições



-Você sempre tem pelo menos duas opções.

E a diferença entre elas é pequena, quer dizer: Você pode ser o alguém que olha o maluco se jogar do prédio ou o maluco, o que muda é o jeito de sair dessa história.

E se não der nada certo?


Eu vou apelar pro lado bom dele.

Doce Enlatado NÃO


"Poucas coisas neste mundo são mais tristes do que um bolo industrializado. Ali no supermercado, diante da embalagem plástica histericamente colorida, suspiro e penso: estamos perdidos. Bolo industrializado é como amor de prostituta, feliz natal de caixa automático, bom dia da Blockbuster. É um anti-bolo.
(...) O bolo é o exemplo, talvez anacrônico, de um tempo que não é dinheiro. Um tempo íntimo, vagaroso, inútil, em que um momento pode ser vivido no presente, pelo que ele tem ali, e não como meio para, com o objetivo de. (...) É uma demonstração de carinho de uma pessoa a outra. É um mimo de avó. Um acontecimento inesperado que irrompe no meio da tarde, alardeando seu cheiro do forno para a casa, da casa para a rua e da rua para o mundo. É o que a gente come só para matar a vontade, para ficar feliz, é um elogio ao supérfluo, à graça, à alegria de estarmos vivos. (...) Se entregarmos até o bolo aos códigos de barras, estaremos abrindo mão de vez da autonomia, da liberdade, do que temos de mais profundamente humano. Porque o próximo passo será privatizar as avós, estatizar a poesia, plastificar o amor, desidratar o mar e diagramar as nuvens. fora."

Foi Sem Querer Querendo

Sempre achei melhor olhar o lado positivo da minha vida e na verdade quando eu mais precisei desce meu lado optimista eu nunca consegui achar a luz nele. Sempre achei bonito lindos sonetos de amor e promessas eternas de amizade mas nunca consegui de verdade expressar o que isso sempre significou para mim. Sempre achei cliché dizer eu te amo, sempre sofri pelos incontáveis números na minha agenda que eu nunca podia usar, sempre sorri querendo chorar. Quis achar o melhor mas procurava no qualquer. Quis não ouvir as vozes atrás de mim, , mas sempre me importava. Quis deixar pra lá, mas nunca consegui não me importar.
Afinal, a vida me trouxe o Inesperado, sempre meu bem-vindo, e me deu de presente novos ventos e rumores. Ensinou novas palavras e novos olhares. No entanto me deixou um tanto quanto sua dependente, e não quero mais te largar. Da flor, não bonita e sempre intocável, fui para maçã doce.
Queria mesmo dizer que estou pronta para os novos desafios. Queria dizer que o que mais quero aprender é falar disso que prendo em meu peito. Queria mesmo era te ensinar que não só lágrimas formam uma obra-mestre. Queria desenhar o que para mim é belo agora. Queria esquecer o que foi o meu antes máscara-perfeita. Queria mesmo era dá meu sorriso em forma de sentimento para quem quisesse, assim mesmo, como esmola... Porque não é passageiro, sei que não.
Mas eu te digo agora, amo-te agora e até o prá sempre, que nunca acaba.
-Acaba?

segunda-feira, março 3

Sobre Chuva


"Parece até que me persegue
Água fria que não para de cair
Limpa o teto, suja o chão."


E parece que não em quer que eu te esqueça jamais. Estou cá vou lá, chove cá e lá. Vontade de que? Molhar, tratar, abraçar, apertar, esfriar, iluminar? Só me digas, o que queres de mim, cara amiga chuva?!


- Gabi, a destruidora de lares!

Olhar Para O Lado

Hoje me aconteceu uma coisa bem diferente. Não foi nada especial, nem esquisita, só diferente. Estava eu voltando para casa e como já era do meu esperar o céu se abriu diante de mim; como sempre para desabar mais lágrimas de São Pedro. Descendo do ónibus tive que esperar a chuva ceder um pouco e comigo também nessa esperança estava uma simpática Senhora, daquelas que você olha a face e sabe que ela é o tipo de vovó que faz biscoitinho amanteigados pros netinhos queridos, eu estava sentada, e só agora me ocorreu de oferecer o meu assento na parada de ónibus (o único ainda seco) para ela, e ela olhando à frente toda aquela água cair sem parar com a sua sobrinha florida nas mãos.
-Senhora? Venha mais para cá! A chuva está molhando a parte de trás da sua calça...
Minutos mais tarde São Pedro finalmente quietou da sua eterna depressão e a simpática senhora me ofereceu um espaço na sua sombrinha.
-Obrigada, aceito sim!
Logo veio o primeiro desafio: Atravessar a imensa poça d'água sem molhar os pés, eu bem que tentei pular na frente e ajuda-la, mas estava vindo um carro então tivemos que sem bem rápida no nosso pulo. 2 poças mais tarde São Pedro voltou de novo a me lembrar da sua presença e então a simpática Senhora me abraçou para eu não me molhar. Isso me fez pensar quantas mais pessoas iam fazer o mesmo. Sete poças mais tarde estávamos sãs e salvas já no asfalto no comércio local da minha rua e eu agradeci e segui o meu rumo. Mas me deixou um quê de esperança nas pessoas, são esses pequenos momentos que eu agradeço por ainda existirem boas pessoas na Cidade Da Corrupção E Escândalos; assim como eu sempre penso desse jeito quando uma pessoa se oferece para levar minha bagagem de cada dia que mistura livros, papéis, canetas e outras tantas futilesas no ónibus ou qualquer outro gesto simples e sempre bem vindo de compaixão.
Espero que você já tenha feito ao menos uma vez esse tipo de coisa, porque é uma das maneiras mais simples de fazer o mundo voltar ao eixo.
Mas, simpática Senhora; muito obrigada, salvou o meu casaco das lágrimas de São Pedro.

R.S

I never loved nobody fully
Always one foot on the ground

And by protecting my heart truly
I got lost in the sounds
I hear in my mind
All these voices

I hear in my mind all these words
I hear in my mind all this music

domingo, março 2

Deixo-te Para Trás


Fala

Amiga.
Choro.
Amiga.
Conforto.
Amiga.
Fala!
Amiga.

... que droga.
-Me abraça; quero saber da sua vida, dos seus problemas.
-Me liga!

Disso e daquilo

Das histórias que eu vivi me encontro na mais surreal. Estou no limbo. De frente para o precipício, se me levo com o vento será que conseguirei saltar ou... O que sei é que estou no meio de algo que não sei mais o rumo. Amar é certeza. Felicidade garantida? Não é o seu; é o meu que não está bem. Perto de você meus problemas são deixados para trás; mas o que seria de mim sem o você? Não sei mais se consigo. Rir, chorar da no mesmo se no final não está aqui.

História?

Das palavras sinceras
Desfeitas pelo tempo
Esconde-se o sorriso.

Dos olhares eternos
Que o "pra sempre" não pode
[alcançar.
Deixados para o "nunca mais"
[se alimentar.

Dos abraços reconfortáveis
O des-reconfortável incomodo
Silêncio se fez.

Deixaram-se os versos
Perdeu-se a poesia
Desfei-se o brilho
Nunca mais o feliz do final.

Mudou-se a prosa
Mudou-se o sorriso
Mudou-se o olhar
Se fez pessoa nova

Conhecer àquele de
Sinceras Desculpas
E nunca falsas promessas

Era o começo
De um novo fim
Mas aguardava o para sempre chegar.